Rio 2016 e a oportunidade do Brasil recuperar a sua marca


Há dois anos a imprensa brasileira noticiou amplamente o resultado de uma pesquisa que analisou a opinião dos estrangeiros em relação ao Brasil. Na altura, o país definiu-se como uma marca por um lado apaixonante e vibrante, que alegra, enche as pessoas de energia vital e, por outro, que entristece pela intolerância, insegurança e dificuldades de realização. Desde aí, embalado pela derrota por 7-1 no Mundial de Futebol frente à Alemanha, e pela turbulência política e económica que atravessa, o país tem enfrentado uma das maiores crises de identidade e imagem global. De terra das oportunidades o Brasil passou a ser visto como terreno das incertezas.

Os Jogos Olímpicos Rio 2016 encontraram um país com baixa auto-estima e grande desconfiança, reafirmadas pelos atrasos nas obras e incertezas de que tudo estaria pronto até à cerimónia de abertura. E foi exatamente após esta cerimónia que o país respirou aliviado, ao exibir uma festa alegre, criativa, diversa, que mostrou ao mundo a sua capacidade de superar os desafios e realizar um grande evento, mesmo sob os mais diversos contratempos. A tranquilidade com que as provas estão a decorrer indica que o Brasil é capaz de grandes feitos. A mensagem de superação gera empatia, sensibiliza e está em toda parte.

As Olimpíadas são para o Brasil o momento da verdade de enfrentar a aprovação do “consumidor”. O que as marcas enfrentam diariamente nos pontos de venda, o país enfrentou nas transmissões em tempo real para todo o mundo. Os países competem entre si por investimentos, por serem capazes de vender mais o que é produzido localmente e por participarem no palco internacional. Jogos Olímpicos, repletos de superação dos atletas e da organização, são a oportunidade do país reverter a imagem fragilizada, mostrando o processo de superação, e reforçando essa situação através do desempenho dos atletas e do talento do seu povo em reinventar-se sempre. O terreno da incerteza pode tornar-se a terra da superação.

Mas não se mudam opiniões em um mês. É necessário mais do que os Jogos Olímpicos para o país reforçar a ideia de ser digno de confiança aos olhos do mundo. A oportunidade de fortalecer a marca através dos atributos que os jogos trazem é enorme. Para o país e para as empresas.

As pessoas acreditam no sucesso dos produtos por causa de sua origem e dos valores que comunicam. E ser associado à superação, à vitória sobre as adversidades, à capacidade de execução apesar das intempéries, é uma oportunidade de ouro para o Brasil que vai ajudar o país a transformar as incertezas em certezas.


Diana Medeiros

Jornalista, especialista em Relações Públicas e Comunicação Coorporativa, dedicou-se à comunicação governamental por 10 anos e à comunicação digital nos últimos 4. Trabalhou com grandes marcas e coorporações, em busca de estabelecer diálogos de qualidade e facilitar a comunicação entre empresas e seus públicos. Na atualidade é account na Atrevia Brasil.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  Acepto la política de privacidad

WordPress Video Lightbox Plugin

Send this to friend